11 abril 2010

Xilogravura / Wood Cut


Cópia Final
Cópia Transitória
  • Gravura em madeira sobre duas placas de pau-marfim de 19.5X 18.5 cm cada uma delas. Gravada, entintada e impressa como gravura em metal. Utilizei tinta Charbonnel na cor sanguinea. Essa é a primeira prova de uma série de modificações que imagino. Testei algumas outras possibilidades fazendo mobilidades com as duas placas. Ainda venho preferindo a figura maior, que foi como imprimi originalmente.
  • Nessa gravura retorno ao uso da supercola. As partes da gravura que aparecem em branco foram feitas a partir da aplicação de uma camada de supercola e posteriormente alisadas com uma lâmina de corte bastante afiada. As manchas mais intensas foram produzidas com um sopro de água sobre a cola ainda úmida, produzindo irregularidades que retêm a tinta de maneira desuniforme.
  • Todas as versões em pequeno formato foram manipuladas por meio do Photoshop. Na primeira delas imaginei apenas virar a imagem em 90°CW, que me pareceu uma boa opção.
  • A segunda versão, curiosamente, mostra como o trabalho foi concebido originalmente, em placas separadas. Posteriormente as ajustei para que se adaptassem a um desenho único e contínuo, como mostrado na imagem maior.
  • Na segunda versão houve apenas a inversão das placas em modo horizontal.
  • Essas manipulações têm interesse direto no tipo de interferência que farei para a segunda prova.
  • Fiz as modificações que aparecem na imagem mais ao alto, realçando a base da gravura. Não farei mais interferências.
  • Foram tiradas 5 cópias em papel Rives Tradition Bright White 320 g/m2.

Nenhum comentário:

Postar um comentário